TST - RR - 705920/2000


13/mai/2005

JUROS E CORREÇÃO MONETÁRIA. MASSA FALIDA. A condenação ao pagamento de juros em ação trabalhista contra empresa falida é possível desde que se restrinja a sua incidência à condição prevista no art. 26 da Lei de Falências. O disposto no caput do art. 26 do Decreto-Lei nº 7.661/45 dispõe no sentido de que os juros de mora são suscetíveis de fluir, desde que haja a possibilidade de o ativo apurado cobrir toda a dívida principal da massa falida. Assim, somente quando a averiguação deste proporcionar a quitação do principal da massa falida é que estará aberta a via de cobrança dos juros moratórios dos débitos devidos ao trabalhador. Recurso de revista parcialmente provido.

Tribunal TST
Processo RR - 705920/2000
Fonte DJ - 13/05/2005
Tópicos juros e correção monetária, massa falida, a condenação ao pagamento.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›