TST - RR - 788120/2001


29/jun/2007

HORAS IN ITINERE TEMPO DE SERVIÇO. Sob a óptica da jurisprudência pacífica do Tribunal Superior do Trabalho, notadamente aquela que se traduz na Súmula nº 90, em seus itens I e V, o tempo despendido pelo empregado, em condução fornecida pelo empregador, até o local de trabalho de difícil acesso, ou não servido por transporte público regular, e para o seu retorno é computável na jornada de trabalho, e, sendo assim, o tempo que extrapola a jornada legal é considerado como extraordinário e sobre ele deve incidir o adicional respectivo. Recurso de revista não conhecido.

Tribunal TST
Processo RR - 788120/2001
Fonte DJ - 29/06/2007
Tópicos horas in itinere tempo de serviço, sob a óptica da.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›