TST - AIRR - 1431/2002-073-03-00


29/abr/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RECURSO DE REVISTA. PROCEDIMENTO SUMARÍSSIMO. RESPONSABILIDADE SUBSIDIÁRIA. VIOLAÇÃO DO ART. 5, II, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL NÃO VERIFICADA. Nos termos do art. 896, § 6º, da CLT, o conhecimento do recurso de revista em procedimento sumaríssimo é restrito à demonstração de violação direta ao texto constitucional ou de contrariedade a enunciado do TST. A indicação de que a decisão regional, que trata da responsabilidade subsidiária do tomador dos serviços terceirizados, afronta o princípio da legalidade não impulsiona o recurso, tendo em vista o entendimento consagrado na Súmula nº 636 do STF de que a referida ofensa se dá de forma reflexa, pois necessita do exame de legislação infraconstitucional. Agravo a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1431/2002-073-03-00
Fonte DJ - 29/04/2005
Tópicos agravo de instrumento, recurso de revista, procedimento sumaríssimo.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›