TST - AIRR - 555/2004-026-02-40


08/jun/2007

AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA. ADICIONAL DE PERICULOSIDADE. Para chegar-se à conclusão pretendida pela Agravante, qual seja, a de que o Autor não faz jus ao pagamento do adicional de periculosidade porque não laborava em contato permanente com substâncias inflamáveis, ter-se-ia, necessariamente que reexaminar o conjunto fático-probatório, o que é vedado nesta Instância Extraordinária, a teor da Súmula 126/TST. Agravo de Instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 555/2004-026-02-40
Fonte DJ - 08/06/2007
Tópicos agravo de instrumento em recurso de revista, adicional de periculosidade, para chegar-se à conclusão.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›