TST - AIRR - 1/2006-020-15-40


26/set/2008

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RECURSO DE R E VISTA. SUMARÍSSIMO. RESPONSABILIDADE SUBSIDIÁRIA. TOMADOR DOS SERVIÇOS. Não há como assegurar trânsito à r e vista quando o agravo de instrumento manejado não desconstitui os fund a mentos do despacho denegatório da a d missibilidade do recurso.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1/2006-020-15-40
Fonte DJ - 26/09/2008
Tópicos agravo de instrumento, recurso de r e vista, sumaríssimo.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›