TST - AIRR - 2185/1999-206-01-40


06/mai/2005

HORAS EXTRAS. TRABALHO EXTERNO. A submissão do reclamante à fiscalização do horário constitui premissa fática lançada na decisão do Tribunal Regional. Para afastá-la, seria necessário o reexame dos fatos e das provas dos autos, vedado pelo Enunciado nº 126 do TST. Agravo a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 2185/1999-206-01-40
Fonte DJ - 06/05/2005
Tópicos horas extras, trabalho externo, a submissão do reclamante.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›