TST - AIRR - 2589/2000-072-02-00


03/fev/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA. REVELIA IRREGULARIDADE DE REPRESENTAÇÃO SANEAMENTO POSTERIOR - VALIDADE. O Colegiado regional posicionou-se no sentido de que a eventual irregularidade de representação foi sanada com os documentos apresentados, validando a referida representação. Trata-se de matéria interpretativa, combatível apenas por meio de tese oposta, que não ficou demonstrada, conforme a Súmula 296 desta Corte. Negado provimento. EQUIPARAÇÃO SALARIAL. O Regional amparou-se nas provas dos autos, portanto, para que se chegue a uma conclusão diferente seria necessária o revolvimento do contexto fático-probatório, inviabilizando a revista pelo óbice intransponível da Súmula 126 desta Corte. Agravo conhecido e não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 2589/2000-072-02-00
Fonte DJ - 03/02/2006
Tópicos agravo de instrumento em recurso de revista, revelia irregularidade de representação saneamento posterior, validade.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›