TST - AIRR - 1163/2006-021-04-40


05/dez/2008

AGRAVO DE INSTRUMENTO. ADICIONAL DE PERICULOSIDADE. RADIAÇÕES IONIZANTES. Correto o r. despacho agravado, uma vez que, analisando de forma pormenorizada as alegações contidas no Recurso de Revista denegado, acabou por refletir a diretriz jurisprudencial desta Corte quanto ao direito ao adicional de periculosidade pela exposição a radiações ionizantes (OJ 345 da SBDI-1 do TST). Agravo de Instrumento não provido. HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. Decisão em consonância com a Súmula 219 do TST. Agravo de Instrumento não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1163/2006-021-04-40
Fonte DJ - 05/12/2008
Tópicos agravo de instrumento, adicional de periculosidade, radiações ionizantes.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›