TST - AIRR - 33597/2002-902-02-40


10/fev/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO. AUSÊNCIA DE AUTENTICAÇÃO NA PROCURAÇÃO QUE OUTORGA PODERES AO SUBSTABELECENTE. IRREGULARIDADE DE REPRESENTAÇÃO. NÃO CONHECIMENTO. Em consonância com as disposições constantes dos itens IX e X da Instrução Normativa nº 16 deste Tribunal, deve, a parte, providenciar a autenticação das peças que instruírem seu Agravo de Instrumento. Logo, se a minuta em exame faz-se acompanhar de substabelecimento conferido ao seu subscritor e a parte não cuidou de colacionar cópia reprográfica da procuração que outorgou poderes ao substabelecente devidamente autenticada, não atendendo à exigência contida no artigo 830 da CLT, o que torna irregular a representação processual, inviável é a admissão do apelo, dada a má formação do instrumento. Agravo de instrumento de que não se conhece.

Tribunal TST
Processo AIRR - 33597/2002-902-02-40
Fonte DJ - 10/02/2006
Tópicos agravo de instrumento, ausência de autenticação na procuração que outorga poderes ao substabelecente, irregularidade de representação.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›