TST - RR - 971/2002-112-03-00


17/jun/2005

RECURSO ORDINÁRIO. DESERÇÃO. DEPÓSITO RECURSAL REALIZADO EM AGÊNCIA DO PRÓPRIO RECLAMADO. Comprovado o pagamento do depósito recursal, para fins de recurso ordinário, mediante documento específico, dentro do prazo, no valor legal, e encontrando-se consignados o nome da reclamante e dos reclamados, a Vara do Trabalho em que tramitou o feito, o número do processo, além da autenticação do Banco recebedor da quantia, ainda que não a Caixa Econômica Federal ou o Banco do Brasil, afigura-se regular o depósito. Não pode servir de motivo para que o recurso não seja conhecido por deserto, o fato de o depósito ter sido efetuado em agência bancária de um dos reclamados. Recurso de revista conhecido e provido.

Tribunal TST
Processo RR - 971/2002-112-03-00
Fonte DJ - 17/06/2005
Tópicos recurso ordinário, deserção, depósito recursal realizado em agência do próprio reclamado.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›