TST - RR - 301/2005-065-15-00


05/dez/2008

RECURSO DE REVISTA . DANO MORAL. VALOR ARBITRADO. OBSERVAÇÃO DOS PRINCÍPIOS DA EQÜIDADE, PROPORCIONALIDADE E R A ZOABILIDADE. O v. acórdão regional assinala que o reclamante sofreu ac i dente de trabalho em 1999; que houve piora do quadro clínico do autor de s de o referido acidente; que o autor está acometido de incapacidade perm a nente para o trabalho que o conduziu à aposentadoria por invalidez em 2003; que as seqüelas o impedem de realizar rotinas simples e atividades corriqueiras do dia-a-dia; que a r e clamada teve ciência da doença, mas foi negligente e permitiu que o autor continuasse com suas atividades, de i xando-o à própria sorte; e, em razão de tudo isso e o caráter pedagógico da condenação, elevou o valor da r e paração de R$60.000,00 para R$80.000,00.

Tribunal TST
Processo RR - 301/2005-065-15-00
Fonte DJ - 05/12/2008
Tópicos recurso de revista, dano moral, valor arbitrado.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›