TST - AIRR - 72/2000-821-04-40


19/mai/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RECURSO DE REVISTA. BANCÁRIO. 7ª E 8ª HORAS LABORADAS COMO EXTRAS. O Regional fundou-se na prova dos autos para reformar a decisão de primeiro grau e dar provimento ao recurso do reclamado, excluindo da condenação o pagamento da 7ª e 8ª horas trabalhadas como extras. Incidência da Súmula 126 do TST. Agravo desprovido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 72/2000-821-04-40
Fonte DJ - 19/05/2006
Tópicos agravo de instrumento, recurso de revista, bancário.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›