TST - AIRR - 711901/2000


29/abr/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RECURSO DE REVISTA. HORAS EXTRAS. MOTORISTA. No caso concreto o Eg. Tribunal considerou inaplicável o artigo 62, I, da CLT, porquanto é possível verificar a sobrejornada do motorista por meio do tacógrafo e dos mapas de viagens, salientando que a prova oral revela o exercício de trabalho extraordinário não pago. Agravo a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 711901/2000
Fonte DJ - 29/04/2005
Tópicos agravo de instrumento, recurso de revista, horas extras.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›