Dicionário jurídico

Inimputável

Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data. (26/ago/2017)
Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data. (26/set/2016)
Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data. (16/abr/2014)
Revisão geral. Este material está atualizado de acordo com o CC e não sofreu alterações até esta data. (22/jun/2013)
Publicado originalmente no DireitoNet. (18/ago/2009)
Direito Penal | 18/ago/2009

É a pessoa que será isenta de pena em razão de doença mental ou desenvolvimento mental incompleto ou retardado que, ao tempo da ação ou omissão, não era capaz de entender o caráter ilícito do fato por ele praticado ou de determinar-se de acordo com esse entendimento. São causas da inimputabilidade: a) doença mental ou desenvolvimento mental incompleto ou retardado; b) menoridade; c) embriaguez completa, decorrente de caso fortuito ou força maior; e d) dependência de substância entorpecente.

Fundamentação:

Art. 228 da CF
Arts. 26 a 28 do CP
Art. 397, II do CPP
Art. 492, II, "c" do CPP

Temas relacionados:

Referências bibliográficas:

GONÇALVES, Victor Eduardo Rios. Sinopses Jurídicas – Direito Penal Parte Geral. 12ª ed. São Paulo: Editora Saraiva, 2006.

Veja mais sobre Inimputável no DireitoNet.

Imprimir
O Direito está em constante evolução. Não fique para trás.
Acompanhe as novidades que afetam seu dia-a-dia no estudo e na prática jurídica
Conheça o DireitoNet