Notícias

Nova lei suspende medidas de despejo e estabelece novas regras para contratos de locação durante a pandemia

Fonte: DireitoNet

A Lei nº 14.216 de 2021 estabelece medidas excepcionais em razão da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) para suspender até 31 de dezembro de 2021 o cumprimento de medida judicial, extrajudicial ou administrativa que resulte em desocupação ou remoção forçada coletiva em imóvel privado ou público, exclusivamente urbano, e a concessão de liminar em ação de despejo, para dispensar o locatário do pagamento de multa em caso de denúncia de locação de imóvel e para autorizar a realização de aditivo em contrato de locação por meio de correspondências eletrônicas ou de aplicativos de mensagens.

De acordo com o texto legal, ficam suspensos até 31 de dezembro de 2021 os efeitos de atos ou decisões judiciais, extrajudiciais ou administrativos, editados ou proferidos desde a vigência do estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020, até 1 (um) ano após o seu término, que imponham a desocupação ou a remoção forçada coletiva de imóvel privado ou público, exclusivamente urbano, que sirva de moradia ou que represente área produtiva pelo trabalho individual ou familiar.

Conteúdos atualizados DireitoNet

Resumo - Ação de Despejo I

Resumo - Ação de Despejo II - Novo CPC – Lei n° 13.105/15

Petição - Notificação de entrega do imóvel locado

Petição - Rescisão do contrato de locação - Notificação do locador

Guia de estudos - Ação de Despejo

Veja mais atualizações sobre ações de locações no DireitoNet

Fonte: DireitoNet

Imprimir
O Direito está em constante evolução. Não fique para trás.
Acompanhe as novidades que afetam seu dia-a-dia no estudo e na prática jurídica
Conheça o DireitoNet