Notícias

Medidas de prevenção e repressão ao contrabando, descaminho, furto, roubo e receptação

Fonte: DireitoNet

Em vigor nova lei que dispõe sobre medidas de prevenção e repressão ao contrabando, ao descaminho, ao furto, ao roubo e à receptação (Lei nº 13.804 de 2019).

O Código de Trânsito Brasileiro passa a vigorar acrescido do artigo 278-A:

“Art. 278-A. O condutor que se utilize de veículo para a prática do crime de receptação, descaminho, contrabando, previstos nos arts. 180, 334 e 334-A do Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal), condenado por um desses crimes em decisão judicial transitada em julgado, terá cassado seu documento de habilitação ou será proibido de obter a habilitação para dirigir veículo automotor pelo prazo de 5 (cinco) anos.

§ 1º O condutor condenado poderá requerer sua reabilitação, submetendo-se a todos os exames necessários à habilitação, na forma deste Código.

§ 2º No caso do condutor preso em flagrante na prática dos crimes de que trata o caput deste artigo, poderá o juiz, em qualquer fase da investigação ou da ação penal, se houver necessidade para a garantia da ordem pública, como medida cautelar, de ofício, ou a requerimento do Ministério Público ou ainda mediante representação da autoridade policial, decretar, em decisão motivada, a suspensão da permissão ou da habilitação para dirigir veículo automotor, ou a proibição de sua obtenção.”

Logo, as mudanças no Código de Trânsito refletem sobre medidas para reprimir a prática dos crimes descritos.

Conteúdos atualizados DireitoNet

Guias de Estudo - Crimes contra a Administração Pública

Artigos - Descaminho e contrabando

Resumos - Crimes contra Administração Pública I

Resumos - Crimes contra a Administração Pública II

Guias de Estudo - Crimes tributários

Veja mais atualizações sobre crimes contra a Administração Pública no DireitoNet.

Fonte: DireitoNet

Imprimir
O Direito está em constante evolução. Não fique para trás.
Acompanhe as novidades que afetam seu dia-a-dia no estudo e na prática jurídica
Conheça o DireitoNet