Artigos

Assédio sexual na internet - Guia de proteção para as crianças na Rede Mundial de Computadores

Baseado no programa de proteção para as crianças do FBI, busca alertar e orientar a todos o perigo que as crianças estão passando com o acesso aos chamados chats ou salas de bate-papo na internet.

Direito Civil | 17/jun/2003

Este artigo é baseado no programa de proteção para as crianças do FBI, e busca alertar e orientar a todos o perigo que as crianças estão passando com o acesso aos chamados chats ou salas de bate-papo na Internet. Crianças estão sendo aliciadas a todo o momento por estes delinqüentes para as mais absurdas finalidades: o abuso sexual; o estupro; o tráfico de menores e a pedofilia.

Na década de 80, se nós perguntássemos para um filho, qual era o presente que ele queria ganhar; ele com certeza diria: Quero ir estudar no exterior.

Na década de 90, o seu maior sonho era conhecer a DISNEYWORLD – conhecer o Mickey Mouse e sua turma.

No final da década de 90 e começo do novo milênio, o sonho de consumo da maioria das crianças é o COMPUTADOR.

Atualmente, o crescimento do número de crianças que tem acesso ao computador é assustador. A criança já não quer ter um computador apenas para jogos, ela quer explorar esta ferramenta tão espetacular chamada Internet. A criança por si só, já é curiosa. Não seria diferente com a Internet, uma criança a partir dos 5 anos já sabe mexer em um teclado e rapidamente ter acesso a Internet. Aí, despertando então a curiosidade e a vontade de ‘’fuçar’’ na rede de computadores.

É fácil você presenciar conversas de crianças que uma pergunta a outra: Você já entrou em uma sala de bate-papo sobre sexo?

Somos obrigados hoje a romper barreiras sobre a educação de nossos filhos, no sentido de conversarmos sobre sexo - e justifico: dificilmente os pais conversam com seus filhos sobre sexo, principalmente com uma criança de 6, 7 ou 8 anos, mas aí vai um alerta - se não o fizer, eles irão aprender tudo de uma maneira errada, pois, a Internet vai se encarregar de mostrar tudo sobre sexo, fotos, bate-papo de delinqüentes, amantes, namorados, sites de anomalias, sexo bizarro, pedofilia, etc. Tudo isso é encontrado na Internet facilmente.

Alguns indivíduos atraem lentamente suas vítimas, dando muita atenção, carinho, presentes, elogios, perguntas ‘’legais’’, etc.

Em geral, estes indivíduos estão dispostos a dedicar muito tempo, dinheiro e energia para alcançar seu objetivo.

Estes, monitoram as conversas das crianças e adolescentes nas salas de bate-papo e, passam a conversar sobre o assunto de sua preferência. Conhecem as músicas que as crianças gostam, os passatempos mais comentados, o que é legal colecionar(costumam falar que também colecionam para atrair as crianças) e com isso lentamente vão conquistando a simpatia delas; até começarem a tocar no assunto ‘’sexo’’.

Começa então o assédio, com envio de fotos e materiais pornográficos. Se sentirem que houve receptividade pela criança, começam a conversar sobre a possibilidade de se encontrar com seu ‘’amiguinho’’.

A criança em geral é uma vítima fácil para este tipo de delinqüente, pois sente curiosidade em saber tudo o que fala sobre assunto ‘’sexo’,’ e quer ver fotos; filmes; etc.

Os aliciadores pedem em geral para a criança não contar para o ‘’papai ou mamãe’’ sobre o assunto, ameaçando-os de não enviar mais estes materiais.

A crianças não estando orientadas dobre estes riscos, acabam fascinadas com o que vêem, e logo passam a confidenciar sobre sua vida, onde moram, onde estudam, seus números de telefone, etc.


Algumas dicas para começar a suspeitar se seu filho está envolvido com temas sobre sexo na Internet.

Seu filho fica muito tempo na Internet, deixando até de comer, e abrindo mão da convivência da família?
R: A maioria das crianças que são vítimas dos delinqüentes sexuais, normalmente passam horas na frente do computador, na maioria das vezes se trancado no seu quarto.


Você encontrou material pornográfico nos arquivos dos seus filhos?
R: Normalmente as crianças mudam os nomes dos arquivos enviados, preste bastante atenção. Normalmente esses arquivos são salvos com nomes diferentes ou em disketes, principalmente se outras pessoas da família tem acesso ao computador.


Seu filho começa a receber telefonemas de pessoas desconhecidas e números estranhos aparecem em sua conta de telefone?
R: A meta do aliciador é conseguir o telefone da criança, e começar a ligar para sua casa. Existem casos que por telefone, o delinqüente incentiva a criança a se masturbar.

Às vezes a criança não fornece seu número de telefone, mas o delinqüente fornece o seu, incentivando inclusive a criança a telefonar à cobrar, e quando não ligam à cobrar, este, consegue o número através do identificador de chamadas.


4. Seu filho recebe cartas e presentes de pessoas que você não conhece?
R: Tem muitos casos em que a criança recebe cartas com fotos e presentes. Isto acontece para seduzir e conquistar a confiança e o carinho da criança.


5. Seu filho desliga o computador ou muda a imagem do monitor rapidamente ao notar que alguém está para chegar ?
R: Uma criança não quer que ninguém veja o que está em sua tela, e já está orientada para não deixar ninguém ver o que ele esta vendo.


O fazer se você suspeita que seu filho está se comunicando com um delinqüente sexual?

Converse com seu filho sobre estas suspeitas. Diga a ele sobre estes perigos.

Comece a monitorar o conteúdo do computador do seu filho.

Verifique no campo ‘’HISTÓRICO’’ do computador as últimas páginas visitadas por ele.

Caso você verifique que realmente seu filho está sofrendo assédio: Denuncie imediatamente!!! (0800 990 500)


Em qualquer das circunstâncias mencionadas acima, você deverá manter seu computador intacto, não copie imagem ou texto, para assim conservar qualquer evidência que a polícia poderá utilizar. Aguarde orientação da polícia para saber o que realmente deve fazer.



O Trabalho de Prevenção.
O que você pode fazer para reduzir o risco de seu filho se tornar vítima de um delinqüente sexual?

Converse com seu filho sobre os riscos que existem na Internet.

Use o computador do seu filho e veja o seus sites favoritos.

Coloque o computador em lugar da casa em que todos tenham acesso, e não no quarto da crianças. É muito mais difícil para o delinqüente tentar um assédio quando o computador estiver por exemplo... em um lugar em que muitos tenham acesso. Com certeza, este antes vai perguntar para a criança onde está o computador.

Use serviços de controle e bloqueio de sites de pornografia. Monitore especialmente as salas de bate-papo que seu filho acessa.

Examine semanalmente o correio eletrônico de seu filho.

Ensine seu filho a usar corretamente o serviço de e-mail.


Dê as seguintes instruções a seus filhos:

não falar de sua vida pessoal com pessoas que conhece via Internet;

nunca enviar fotos sua ou de seus familiares;

jamais fornecer nomes; endereços; nomes de amigos e números de telefone;

Nunca responder a mensagens obscenas ou agressivas que fale sobre sexo;

Tomar cuidado com o que dizem a ele pela Internet, pois pode ser mentira.


Uma questão importante:

Deve-se proibir os filhos de ter acesso a Internet?

R: Existem riscos em todos os setores da nossa sociedade. Se houver orientação a seu filhos sobre estes riscos e perigos, e serem tomadas medidas de prevenção, seus filhos poderão se beneficiar de toda tecnologia e informação que a Internet pode proporcionar.

Esperamos com este artigo levar a todos um pouco mais sobre este terrível mal que nos afronta. Devemos todos nos esforçar para minimizarmos estes absurdos que delinqüentes estão fazendo com nossas crianças pela Internet.


Este artigo é baseado no programa :

A PARENT´S GUIDE TO INTERNET SAFETY
U.S. DEPARTMENT OF JUSTICE
FBI – FEDERAL BUREAU OF INVESTIGATION
LEIA MAIS IN: http://www.fbi.gov/publications/pguide/pguidee.htm



Sandro D’Amato Nogueira é Conciliador do Juizado Especial Cível - Comarca Guarulhos - Anexo UNG. Membro Colaborador do IPAM - Instituto Paulista de Magistrados - SP. Membro da WSV - World Society of Victimology - USA. Membro do IBCCRIM – Seu site recebeu o selo: ANJO DA GUARDA DA CRIANÇA NA INTERNET - Confira em: http://www.censura.com.br/amigo.htm –. Site pessoal: http://www.rededejustica.org.br/sites/nogueira

Imprimir
O Direito está em constante evolução. Não fique para trás.
Acompanhe as novidades que afetam seu dia-a-dia no estudo e na prática jurídica
Conheça o DireitoNet