Notícias

INSS: alguns benefícios não podem ser pagos ao mesmo tempo

Fonte: AgPREV - Agência de Notícias da Previdência Social

Alguns benefícios da Previdência Social não podem ser pagos ao mesmo tempo a um mesmo segurado. Nessa categoria estão, por exemplo, o auxílio-doença e o salário-maternidade. O primeiro pode se estender por até dois anos e o segundo é pago por apenas quatro meses.

A segurada gestante que estiver em auxílio-doença tem de abdicar deste benefício em favor do salário-maternidade. Se após o período de 120 dias da licença materna a requerente ainda se encontrar incapacitada para o trabalho, ela deverá passar por uma nova perícia, que avaliará a possibilidade de a mesma voltar a receber o benefício por incapacidade.

Várias outras espécies também se encontram na mesma situação. É o caso dos benefícios assistenciais (Amparo Social ao Idoso e ao Portador de Deficiência), que não podem ser acumulados com qualquer outro da Previdência Social. Receber benefícios incompatíveis pode acarretar problemas para o segurado, como a cobrança de valores indevidos.

Fonte: AgPREV - Agência de Notícias da Previdência Social

Imprimir
O Direito está em constante evolução. Não fique para trás.
Acompanhe as novidades que afetam seu dia-a-dia no estudo e na prática jurídica
Conheça o DireitoNet