TST - RR - 999/2003-018-03-42


29/fev/2008

I - AGRAVO DE INSTRUMENTO. HORAS EXTRAS. ENQUADRAMENTO DO EMPREGADO DE COOPERATIVAS DE CRÉDITO COMO BANCÁRIO. Demonstrada a existência de divergência jurisprudencial válida, merece processamento o recurso de revista. II - RECURSO DE REVISTA. 1. NEGATIVA DE PRESTAÇÃO JURISDICIONAL.

Tribunal TST
Processo RR - 999/2003-018-03-42
Fonte DJ - 29/02/2008
Tópicos agravo de instrumento, horas extras, enquadramento do empregado de cooperativas de crédito como bancário.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›