TST - AIRR - 21681/2005-008-11-40


29/fev/2008

AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA. RITO SUMARÍSSIMO. DIFERENÇAS SALARIAIS. CATEGORIA PROFISSIONAL DIFERENCIADA. Inaplicável à espécie o entendimento consagrado pela Súmula nº 374 do Tribunal Superior do Trabalho, pois a decisão recorrida consignou que o autor pertencia a categoria profissional diferenciada, com instrumento coletivo próprio, de cuja elaboração participou a empresa reclamada. Agravo de instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 21681/2005-008-11-40
Fonte DJ - 29/02/2008
Tópicos agravo de instrumento em recurso de revista, rito sumaríssimo, diferenças salariais.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›