TST - AIRR - 1174/2006-383-02-40


05/dez/2008

AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA JUSTA CAUSA CONFIGURAÇÃO - REVOLVIMENTO DE MATÉRIA FÁTICA. Da leitura dos fundamentos decisórios, vê-se que o decisum empreendeu análise do conjunto probatório para a formação de seu convencimento, dentro do que lhe é autorizado pelo princípio da livre persuasão racional do juiz, disposto no art. 131 do CPC. Reavaliar prova não se coaduna com a natureza extraordinária do recurso de revista, consoante redação da Súmula nº 126 do TST , não havendo, por conseguinte, como prosperar a alegação de divergência jurisprudencial e de violação de dispositivo de lei. Agravo de instrumento desprovido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1174/2006-383-02-40
Fonte DJ - 05/12/2008
Tópicos agravo de instrumento em recurso de revista justa causa configuração, revolvimento de matéria fática, da leitura dos fundamentos.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›