TST - E-RR - 2518/2002-002-07-00


17/out/2008

EMBARGOS REGIDOS PELA LEI Nº 11.496/2007. QUITAÇÃO. SÚMULA Nº 330 DO TST. O Regional afirmou taxativamente que as diferenças salariais pleiteadas pelo autor não se encontravam discriminadas no termo rescisório. Dessa forma, a decisão embargada está em consonância com a Súmula nº 330, item I, do TST, cuja diretriz, conforme já dito, é de que a quitação passada pelo empregado tem caráter liberatório apenas quanto às parcelas expressamente consignadas no recibo de quitação. Além disso, para se chegar a entendimento diverso, necessário seria o revolvimento do conjunto fático-probatório dos autos, o que é vedado a teor da Súmula nº 126 do TST.

Tribunal TST
Processo E-RR - 2518/2002-002-07-00
Fonte DJ - 17/10/2008
Tópicos embargos regidos pela lei nº 11.496/2007, quitação, súmula nº 330 do tst.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›