TST - RR - 434/2002-052-03-00


13/out/2008

RECURSO DE REVISTA. NULIDADE POR INVERSÃO DA ORDEM INSTRUTÓRIA. Não há que se falar em afronta ao artigo 848 da CLT, eis que o referido dispositivo não prevê ordem obrigatória para oitiva das testemunhas. Nos termos do artigo 765 da CLT, o juiz tem ampla liberdade na direção do processo. Recurso de revista não conhecido. INÉPCIA DA INICIAL POR INCOMPATIBILIDADE DE PEDIDOS.

Tribunal TST
Processo RR - 434/2002-052-03-00
Fonte DJ - 13/10/2008
Tópicos recurso de revista, nulidade por inversão da ordem instrutória, não há que se.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›