TST - AIRR - 2472/1997-053-15-00


18/jun/2004

AGRAVO DE INSTRUMENTO. IMPOSSIBILIDADE DE ALTERAÇÃO DO RITO PROCESSUAL NO CURSO DA DEMANDA E DE APLICAÇÃO IMEDIATA DA LEI Nº 9.957/2000. Esta Corte já firmou o entendimento de que é inaplicável o rito sumaríssimo aos processos iniciados antes da vigência da Lei nº 9.957/2000. Assim, afasta-se o não-seguimento do recurso de revista com fundamento nos pressupostos previstos no artigo 896, § 6º, da CLT e analisa-se o cabimento à luz das alíneas a e c do mesmo artigo consolidado. ESTABILIDADE ACIDENTÁRIA. Ainda que superada a questão da mudança de rito para sumaríssimo, a revista do reclamante está fundamentada. Agravo não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 2472/1997-053-15-00
Fonte DJ - 18/06/2004
Tópicos agravo de instrumento, impossibilidade de alteração do rito processual no curso da demanda, esta corte já firmou.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›