STJ - AgRg no REsp 438158 / DF AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL 2002/0068231-7


17/mar/2003

TRIBUTÁRIO. IMPOSTO DE RENDA RETIDO NA FONTE. PRAZO PRESCRICIONAL
PARA RESTITUIÇÃO.
1. O prazo prescricional para as ações de repetição dos valores
referentes ao Imposto de Renda retido na fonte é de cinco anos,
contados a partir da ocorrência do fato gerador, acrescidos de mais
um qüinqüênio, computados desde o termo final do prazo atribuído ao
Fisco para verificar o quantum devido a título do tributo.
2. Decisão agravada em consonância com o mais recente entendimento
da Primeira Seção, expresso no julgamento dos Embargos de
Divergência em Recurso Especial nº 295.566/DF.
3. Agravo regimental a que se nega provimento.

Tribunal STJ
Processo AgRg no REsp 438158 / DF AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL 2002/0068231-7
Fonte DJ 17.03.2003 p. 186
Tópicos tributário, imposto de renda retido na fonte, prazo prescricional para restituição.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›