TST - E-RR - 625465/2000


22/mar/2005

EMBARGOS. RECURSO DE REVISTA. NÃO-CONHECIMENTO. BANCO BANORTE. LIQUIDAÇÃO EXTRAJUDICIAL. EFEITOS. HABILITAÇÃO DO CRÉDITO. AFASTAMENTO DOS JUROS DE MORA. Conforme aferido pela Turma, o responsável direto pelo débito trabalhista, no presente caso, é o sucessor, Banco Bandeirantes e, apenas na remota hipótese de se valer da condenação solidária é que se poderá cogitar de execução contra o sucedido Banorte, pelo que, a partir daí é que se poderá exsurgir a questão da habilitação do crédito e do afastamento dos juros de mora. Embargos não conhecidos.

Tribunal TST
Processo E-RR - 625465/2000
Fonte DJ - 22/03/2005
Tópicos embargos, recurso de revista, não-conhecimento.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›