TST - ROAR - 750213/2001


22/mar/2005

RECURSO ORDINÁRIO. AÇÃO RESCISÓRIA. IMPOSSIBILIDADE JURÍDICA DO PEDIDO. AUSÊNCIA NA INICIAL DE PEDIDO DE RESCISÃO DE DECISÃO DE MÉRITO. Ao ajuizar a rescisória, com base no disposto no artigo 485 do CPC, incumbe à parte a precisa identificação da decisão rescindenda da qual se ressente a inicial da presente ação. No presente caso, constata-se da leitura da inicial da ação rescisória ajuizada, não ter a reclamada em tempo sustentado a rescindibilidade da sentença de mérito proferida nos autos da reclamação trabalhista ajuizada pela reclamante. Portanto, havendo o requerente tão-somente sustentado pela nulidade de todos os atos praticados pelo síndico (da massa falida) sem deduzir pleito de rescisão meritória, há de se reputar ausente à possibilidade jurídica do pedido, bem assim incabível a rescisória, à míngua de ataque à decisão com atributo de coisa julgada material. Recurso ordinário em ação rescisória não provido.

Tribunal TST
Processo ROAR - 750213/2001
Fonte DJ - 22/03/2005
Tópicos recurso ordinário, ação rescisória, impossibilidade jurídica do pedido.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›