TST - AIRR - 61848/2002-900-02-00


01/abr/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO. HORAS EXTRAS. ÔNUS DA PROVA. Pretendendo a parte o reexame dos fatos e da prova produzida e sua conseqüente valoração, não se vislumbram as alegadas violações dos artigos 818 da CLT e 333, I, do CPC. Agravo de instrumento não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 61848/2002-900-02-00
Fonte DJ - 01/04/2005
Tópicos agravo de instrumento, horas extras, ônus da prova.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›