TST - RR - 1053/2002-039-02-00


01/abr/2005

RECURSO DE REVISTA. INSS. ACORDO HOMOLOGADO. DESPROPORÇÃO ENTRE AS VERBAS INDENIZATÓRIAS E SALARIAIS FIXADAS NA INICIAL. VIOLAÇÃO DOS ARTIGOS 43 DA LEI Nº 8.212/91, E 114, VIII, DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA NÃO CONFIGURADA. O recurso de revista não merece conhecimento por ofensa ao artigo 43 da Lei nº 8.212/91, pois, de acordo com o Eg. TRT, os valores acordados estão em perfeita consonância com os pedidos da inicial. Assim, as razões de decidir do Eg. Tribunal a quo afastam a subsunção do caso concreto à norma do parágrafo único do artigo 43 da Lei nº 8.212/91. Com relação ao artigo 114, VIII, da Constituição da República, não há qualquer ofensa, pois em nenhum momento o Eg. Tribunal Regional afastou a competência da Justiça do Trabalho para executar, de ofício, as contribuições sociais previstas no artigo 195, I, a, e II, da Carta Magna, decorrentes das sentenças que proferir, não sendo esta a questão debatida nos autos. Por divergência jurisprudencial, o recurso de revista não logra conhecimento, pois o aresto paradigma colacionado não contém tese divergente da decisão do eg. Regional, sendo pertinente a aplicação do Enunciado nº 296 da Súmula do TST. Recurso de revista não conhecido.

Tribunal TST
Processo RR - 1053/2002-039-02-00
Fonte DJ - 01/04/2005
Tópicos recurso de revista, inss, acordo homologado.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›