TST - AIRR - 98768/2003-900-04-00


06/mai/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA - ADICIONAL DE PERICULOSIDADE E DE INSALUBRIDADE - MATÉRIA FÁTICA Se o Egrégio Regional de origem assentou, com apoio no laudo pericial, que o reclamante não tinha contacto com agentes periculosos ou insalubres, em sede extraordinária não se poderá reanalisar e revalorizar a prova feita (Súmula 126/TST). Agravo a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 98768/2003-900-04-00
Fonte DJ - 06/05/2005
Tópicos agravo de instrumento em recurso de revista, adicional de periculosidade e de insalubridade, matéria fática se o.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›