TST - RR - 647750/2000


17/jun/2005

DESPEDIDA. NULIDADE. SOCIEDADE DE ECONOMIA MISTA. AUSÊNCIA DE MOTIVAÇÃO. 1. Em conformidade com a jurisprudência dominante no Tribunal Superior do Trabalho, as sociedades de economia mista, a teor do art. 173, § 1º, II, da Constituição Federal, estão sujeitas ao regime próprio das empresas privadas. Assim, dispõem de direito potestativo para a dispensa dos seus empregados, sem justa causa, não se lhes exigindo motivação para tal.

Tribunal TST
Processo RR - 647750/2000
Fonte DJ - 17/06/2005
Tópicos despedida, nulidade, sociedade de economia mista.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›