TST - AIRR - 813232/2001


24/jun/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO. HORAS EXTRAS. O entendimento regional encontra-se em harmonia com a jurisprudência pacificada no âmbito desta Corte, nos termos da Súmula 366. Nesse passo, o Recurso de Revista denegado não reúne condições de prosperar, ante as disposições do art. 896, § 4º, da CLT c/c a Súmula 333 desta Corte. PRÊMIO. Considerando-se que a Corte Regional formou sua convicção acerca na matéria, com esteio na análise dos elementos fático-probatórios produzidos nos autos, revela-se inexeqüível a admissibilidade do Recurso de Revista, por óbice da Súmula 126 do TST. Agravo de Instrumento não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 813232/2001
Fonte DJ - 24/06/2005
Tópicos agravo de instrumento, horas extras, o entendimento regional encontra-se.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›