TST - AIRR - 1145/2001-038-03-00


10/fev/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO HORAS EXTRAS ÔNUS DA PROVA. Tendo o e. Regional se fundamentado no confronto da prova testemunhal produzida por ambas as partes, para manter a condenação de horas extras, não há ofensa aos arts. 818 da CLT e 333, I, do CPC, que se referem à distribuição do ônus da prova. Agravo de instrumento não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1145/2001-038-03-00
Fonte DJ - 10/02/2006
Tópicos agravo de instrumento horas extras ônus da prova, tendo o e.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›