TST - AIRR - 556/2004-011-10-40


26/ago/2005

AGRAVO DE INSTRUMENTO SUMARÍSSIMO. NÃO-CONHECIMENTO AUSÊNCIA DE TRASLADO DE PEÇAS OBRIGATÓRIAS À FORMAÇÃO DO INSTRUMENTO. VIGÊNCIA DA LEI Nº 9.756/98. Não se conhece do agravo de instrumento interposto contra despacho que denegou seguimento ao recurso de revista, diante da ausência dos pressupostos de admissibilidade recursal, em consonância com o inciso I § 5º do artigo 897 da CLT, eis que não consta dos autos as peças obrigatórias à formação do instrumento. Agravo de instrumento não conhecido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 556/2004-011-10-40
Fonte DJ - 26/08/2005
Tópicos agravo de instrumento sumaríssimo, não-conhecimento ausência de traslado de peças obrigatórias à formação do, vigência da lei nº 9.756/98.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›