TST - E-RR - 708669/2000


11/abr/2006

EMBARGOS. BANCÁRIO. HORAS EXTRAS. SEGURANÇA. ENQUADRAMENTO SINDICAL. CATEGORIA PROFISSIONAL DIFERENCIADA. MATÉRIA FÁTICA. 1. Não ofende o art. 896 da CLT decisão proferida por Turma do TST que, em respeito à soberania do TRT de origem no tocante à apreciação do acervo fático-probatório dos autos, não conhece de recurso de revista interposto pelo Reclamado no intuito de demonstrar que o Reclamante enquadrava-se em categoria profissional diferenciada, inscrita no art. 511, § 3º, da CLT, e, em conseqüência, de obter declaração de improcedência do pedido de horas extras.

Tribunal TST
Processo E-RR - 708669/2000
Fonte DJ - 11/04/2006
Tópicos embargos, bancário, horas extras.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›