TST - AIRR - 780329/2001


20/abr/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO. VIGILANTE. ACÚMULO DE FUNÇÃO. O Regional, com base na prova testemunhal carreada aos autos, demonstrou que o Reclamante exercia atividades que não eram inerentes ao cargo para o qual fora contratado, porquanto participava como ator de propaganda, atividade esta que não se coaduna com a função de vigilante, restando comprovado o acúmulo de funções. Agravo de Instrumento não provido.

Tribunal TST
Processo AIRR - 780329/2001
Fonte DJ - 20/04/2006
Tópicos agravo de instrumento, vigilante, acúmulo de função.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›