TST - AIRR - 2367/2002-054-02-40


19/mai/2006

AGRAVO DE INSTRUMENTO. EQUIPARAÇÃO SALARIAL. MATÉRIA FÁTICA. SÚMULA 126 DO TST. Não há como assegurar o processamento do recurso de revista, ante o conteúdo da decisão regional que entendeu, após o exame da prova produzida pela identidade de funções entre paradigma e reclamante. Logo, para se concluir de forma diversa seria necessário o revolvimento do conjunto fático-probatório, inviável nesta Instância Extraordinária, a teor da Súmula 126 do TST. Agravo de instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 2367/2002-054-02-40
Fonte DJ - 19/05/2006
Tópicos agravo de instrumento, equiparação salarial, matéria fática.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›