TST - RR - 485/2003-301-02-00


08/jun/2007

INTERVALO INTRAJORNADA. ÔNUS DA PROVA. I O Regional não consignou que não houve anotação dos intervalos no controle de freqüência, tendo se limitado a informar que este não era benéfico ao recorrente. Assim, não há como saber se houve ou não a anotação desses intervalos sem incursão pelo conjunto probatório, proibida pela Súmula nº 126 do TST, tornando impossível a verificação da especificidade dos arestos colacionados. II Recurso não conhecido.

Tribunal TST
Processo RR - 485/2003-301-02-00
Fonte DJ - 08/06/2007
Tópicos intervalo intrajornada, ônus da prova, i o regional não.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›