TST - RR - 1322/2004-046-01-00


15/jun/2007

RESPONSABILIDADE SUBSIDIÁRIA SÚMULA 331, IV, DO TST INEXISTÊNCIA DE RESTRIÇÃO AO SEU ALCANCE MULTA DO ART. 477 DA CLT. 1. A responsabilidade subsidiária da empresa tomadora de serviços advém do inadimplemento das obrigações trabalhistas por parte da empresa prestadora de serviços, real empregadora, sendo essa a dicção da Súmula 331, IV, do TST, ao dispor que o inadimplemento das obrigações trabalhistas, por parte do empregador, implica a responsabilidade subsidiária do tomador dos serviços quanto àquelas obrigações. 2. Com efeito, e na esteira de precedentes desta Corte Superior, inexiste restrição ao alcance da responsabilidade subsidiária do tomador de serviços, nela estando compreendida toda e qualquer obrigação trabalhista inadimplida pelo efetivo empregador, inclusive a multa do art. 477 da CLT.

Tribunal TST
Processo RR - 1322/2004-046-01-00
Fonte DJ - 15/06/2007
Tópicos responsabilidade subsidiária súmula 331, iv, do tst inexistência de restrição, 477 da clt, a responsabilidade subsidiária da.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›