TST - AIRR - 86/2005-024-15-40


22/jun/2007

AGRAVO DE INSTRUMENTO. HORAS EXTRAS ÔNUS DA PROVA - Não se configura a alegada violação dos artigos 818 da CLT, 333, inciso I e 368 do CPC, pois conforme consignado no acórdão recorrido a parte não apresentou a documentação exigida (fichas de Caixa), sem justificativa, a serem confrontados, para elucidação dos fatos, já que admitiu em seu depoimento que somente na ficha do caixa ficava consignado o horário em que o Reclamante iniciava a operação e o horário que este paralisava, inclusive o intervalo intrajornada concedido. Agravo de Instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 86/2005-024-15-40
Fonte DJ - 22/06/2007
Tópicos agravo de instrumento, horas extras ônus da prova, não se configura a.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›