TST - AIRR - 24719/2002-900-03-00


22/jun/2007

AGRAVO DE INSTRUMENTO. ADICIONAL DE INSALUBRIDADE. GRAU MÁXIMO. Acórdão embasado em laudo pericial, no qual se consigna que a Reclamante laborava em centro cirúrgico, lavando /ou lidando com objetos não previamente esterilizados, de uso dos pacientes, inclusive portadores de doença infecto-contagiosa. Alegações recursais que encontram óbice no entendimento desta Corte, preconizado na Súmula nº 126. Violação de dispositivos de lei e divergência jurisprudencial não demonstradas. Agravo de instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 24719/2002-900-03-00
Fonte DJ - 22/06/2007
Tópicos agravo de instrumento, adicional de insalubridade, grau máximo.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›