TST - AIRR - 1636/2001-001-08-41


03/ago/2007

REEXAME DE FATOS E PROVAS. INVIABILIDADE. SÚMULA N.º 126/TST. Tendo o Tribunal Regional concluído, de forma expressa e com base no conjunto fático, que o controle da jornada de representante de vendas é fato incontroverso, é inviável o Recurso de Revista que procura descaracterizar o contexto fático, por óbice da Súmula n.º 126 do TST. Agravo de Instrumento a que se nega provimento.

Tribunal TST
Processo AIRR - 1636/2001-001-08-41
Fonte DJ - 03/08/2007
Tópicos reexame de fatos e provas, inviabilidade, súmula n.º 126/tst.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›