TST - ROAG - 462/1994-023-09-42


03/ago/2007

RECURSO ORDINÁRIO EM AGRAVO REGIMENTAL. PRECATÓRIO. REVISÃO DOS CÁLCULOS. JUROS DE MORA DE 0,5%. Este Egrégio Tribunal Pleno desta Colenda Corte Superior firmou posicionamento no sentido de que a incidência do índice de 0,5% de juros de mora, na forma como disposto no art. 1-F da Lei nº 9.494/97, também se aplica aos processos iniciados antes da vigência da Medida Provisória nº 2.180-35. Deve-se observar, no cálculo dos juros de mora aplicados a partir da vigência da Medida Provisória nº 2.180-35 para pagamento de verbas remuneratórias a servidores e empregados públicos, a incidência de juros no índice de 1% somente até agosto de 2001, a partir de setembro de 2001 opera-se a redução para 0,5% de juros de mora ao mês. Recurso ordinário em agravo regimental não provido.

Tribunal TST
Processo ROAG - 462/1994-023-09-42
Fonte DJ - 03/08/2007
Tópicos recurso ordinário em agravo regimental, precatório, revisão dos cálculos.

Cadastre-se gratuitamente para acessar a íntegra deste acórdão  ›