Tradição


09/abr/2014

É a entrega da coisa ao adquirente, com a intenção de lhe transferir a sua propriedade ou a posse. Conforme regula o “caput”, do artigo 1.267, do diploma civil, "a propriedade das coisas não se transfere pelos negócios jurídicos antes da tradição". Nota-se, portanto, que contratos como a compra e venda e a doação, por si só, não têm o condão de gerar a aquisição da propriedade móvel, o que somente ocorre com a entrega da coisa.

Fundamentação:

Temas relacionados:

Referências bibliográficas:

Veja mais sobre Tradição no DireitoNet.

Histórico de atualizações deste conteúdo
Críticas ou sugestões? Clique aqui
09/abr/2014 Publicado no DireitoNet.

Veja também


Guias de Estudo:

Resumos:

Testes:

Dicionário: