Administrador judicial


24/nov/2016
 
Histórico de atualizações deste conteúdo
18/set/2014 Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data.
01/dez/2014 Atualizado até a lei complementar nº 147/2014.
24/nov/2016 Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data.
25/jun/2013 Publicado no DireitoNet.

Trata-se de pessoa física ou jurídica, de confiança do magistrado, encarregada de administrar a massa falida, desde que seja profissional idôneo, preferencialmente advogado, economista, administrador de empresas ou contador, ou pessoa jurídica especializada, sendo uma função remunerada e indelegável. Ao administrador judicial compete, sob a fiscalização do juiz e do Comitê de Credores, além de outros, os deveres estampados no artigo 22 da Lei nº 11.101/05. O administrador responderá pelos prejuízos causados à massa falida, ao devedor ou aos credores por dolo ou culpa no desempenho de suas funções.

Fundamentação:

Temas relacionados:

Referências bibliográficas:

Veja mais sobre Administrador judicial no DireitoNet.

Histórico de atualizações deste conteúdo
Críticas ou sugestões? Clique aqui
18/set/2014 Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data.
01/dez/2014 Atualizado até a lei complementar nº 147/2014.
24/nov/2016 Revisão geral. Este material não sofreu novas alterações até esta data.
25/jun/2013 Publicado no DireitoNet.